bitcoin overstock

Overstock pagará alguns dos seus impostos de 2019 em Bitcoin

Neste ano, a gigante de varejo digital Overstock.com planeja pagar pelo menos alguns de seus impostos usando bitcoin.

A empresa anunciou em seu portal que iria pagar alguns impostos de atividade comercial do estado em Ohio usando bitcoin, sendo a primeira grande empresa a fazer isso.

Ohio anunciou em novembro que permitiria que as empresas pagassem impostos em bitcoin, embora os pagamentos fossem convertidos em dólares por um terceiro antes de chegar no Estado.

O CEO e fundador da Overstock, Patrick Byrne, disse que a empresa está orgulhosa de se associar ao governo de Ohio para ajudar a inaugurar uma era de confiança através da tecnologia para os sistemas financeiros essenciais da nação. E completou:

“Há muito tempo pensamos que a adoção governamental cuidadosa de tecnologias emergentes, como criptomoedas (quando acompanhada de legislação não restritiva sobre essas tecnologias) é a melhor maneira de garantir que os EUA não percam o nosso lugar na vanguarda da economia global em constante avanço.”

O tesoureiro do estado de Ohio, Josh Mandel, elogiou a iniciativa de Overstock, e disse que a adoção da tecnologia blockchain estava à frente de seu tempo.

A Overstock tem aceitado bitcoin como pagamento de compras desde 2014, e uma subsidiária, a Medici Ventures, atua como uma ala de investimento em startups de blockchain. A empresa também está desenvolvendo uma plataforma de negociação de token de título chamada tZERO.

Não perca mais nenhuma análise e notícia sobre o mundo cripto. Entre no nosso grupo do Telegram e fique por dentro dos principais acontecimentos do mercado.
Leia também
FlowBTC

Comprar e vender BitcoinEthereumRipple, Bitcoin Cash e Litecoin é na FlowBTC! Uma plataforma segura e rápida, com 3 anos de história, nunca saiu do ar e nem foi hackeada. Uma corretora que possui grandes investidores do mercado financeiro tradicional. Invista com especialistas, abra já sua conta.

Quer ficar por dentro de mais conteúdo? Siga o BrBitcoin nas redes sociais:

 

Comentários do Facebook

Deixe uma resposta