Proxeus e IBM mostram registro de Startup na Blockchain em tempo recorde

As empresas Proxeus e IBM, provedoras de trabalhos Blockchain, mostraram como registrar uma startup suíça inteiramente em Blockchain em “fração de segundos”, tradicionalmente exigido como parte de sua entrada no desafio digital na suíça, Proxeus disse ao Cointelegraph.

Proxeus, descrito como o “WordPress para Blockchain”, arrecadou US$25 milhões em dois dias durante a oferta inicial de moeda – ICO (em inglês – Initial Coin Offering) para o seu token XES. A empresa pretende tornar a tecnologia Blockchain acessível ao público, já que usuários sem nenhum conhecimento de programação podem usar ferramentas de arrastar e soltar para criar seus próprios aplicativos Blockchain.

A idéia para o registro de empresas Blockchain veio depois que a Suíça ficou na 54ª e 56ª posição, respectivamente, pelo tempo e número de etapas para iniciar um negócio em um ranking do Fórum Econômico Mundial (WEF) de 138 países, devido ao excesso de intermediários envolvidos e a papelada física exigida.

A entrada da Proxeus e de seus parceiros para o desafio digital da Suíça mostra como o processo normal com o “registro de empreendedor, advogado, banco, cartório e comercial” pode ser transformado em um fluxo de trabalho digital.

Isso é obtido usando os sistemas de TI no banco e no registro comercial já existentes com a blockchain Hyperledger e um contrato inteligente, o que significa que “etapas principais podem ser processadas instantaneamente”, resultando em uma conquista recorde no tempo para registro.

O Hyperledger Blockchain foi usado recentemente para dois programas pilotos de registros médicos e SWIFT para transferências banco a banco.

Antoine Verdon, cofundador da Proxeus, disse que a empresa aderiu ao desafio – que visa implementar “conceitos inovadores e idéias malucas” na Suíça, porque ofereceu uma perfeita prova de conceito para o Proxeus:

“O sistema existente era lento e ineficiente. Nós propusemos uma solução que nos permitisse acelerar radicalmente o processo de registro, criando uma trilha paralela [B], enquanto ainda produzimos toda a papelada necessária para documentar e formalmente incorporar a empresa.”

A Proxeus e a IBM também trabalharam com a Canton Zug, a Swisscom, a VermögensZentrum e as grandes empresas, Grunder Rechtsanwälte, Kaiser Odermatt e Partner, Zwicky Windlin & Partner no desafio digital da Suíça. Os três notários envolvidos no projeto comentaram que, a partir de sua perspectiva:

“O processo acelerará o registro de um carrinho de mão para um foguete, facilitará a elaboração de documentos legais e consolidará as várias partes de maneira mais eficaz”.

CTO Europe Team e IBM Research, Soluções da Indústria Cognitiva Ulrich Schimpel disse que a “principal razão” da IBM ter participado deste desafio foi “incorporar uma transformação digital” porque:

“No grande esquema, a redução da complexidade e duração de todas as interações administrativas ao longo de todo o ciclo de vida da corporação tem o potencial de fortalecer a posição da Suíça como um local de negócios líder mundial.”

De acordo com Verdon, este teste bem sucedido também mostrou as possibilidades para o impacto futuro de contratos inteligentes para empresas:

“É nisso que a Proxeus vem trabalhando. O que demonstramos hoje é que, sem qualquer alteração legislativa, os processos tradicionais, altamente iterativos e orientados pelo papel, podem ser transferidos para a Blockchain de forma segura e eficaz, aumentando a eficiência e reduzindo drasticamente os custos. Mas incorporar uma empresa é apenas o primeiro passo: Ao separar as ações da empresa e conectá-las com as identidades criptográficas, poderemos automatizar áreas inteiras de direito corporativo e financiamento.”

A Proxeus também realizou uma análise de 477 ICOs desde 21 de março de 2016 a 27 de março de 2018 para ver quais poderiam ser usados na plataforma Proxeus. A análise descobriu que 68% dos projetos das ICOs poderiam ser parciais ou totalmente replicados em sua plataforma, e 39% poderiam ser completamente copiados usando o token XES.

 

Comentários do Facebook

Deixe uma resposta